[Webinar Best WorkPlaces 2024] Os segredos para o Employer Branding de sucesso

Garanta sua vaga
Gestão de Pessoas
Recrutamento e Seleção
Recursos Humanos

Departamento Pessoal e Recursos Humanos: as diferenças e responsabilidades de cada setor

Departamento Pessoal e Recursos Humanos: as diferenças e responsabilidades de cada setor

De recrutamento e seleção, gestão de pessoas e demandas administrativas relacionadas aos colaboradores, é comum as empresas separarem ou confundirem as atividades entre as áreas de Departamento Pessoal (DP) e Recursos Humanos (RH). 

Embora sejam setores que se comunicam o tempo todo e estão ligados de forma geral às demandas do capital humano, suas funções e responsabilidades são distintas. Por isso, vamos explorar essas diferenças e atribuições de cada setor, bem como a importância de ambos no contexto corporativo e para cultura organizacional.

O que é a área de Departamento Pessoal?

O Departamento Pessoal é o setor responsável diretamente pelas questões operacionais relacionadas aos colaboradores de uma empresa. Sendo a área que lida com atividades burocráticas, como folha de pagamento, controle de ponto, admissão e rescisão de contratos, pagamento de férias e benefícios, entre outras responsabilidades administrativas.

Dessa forma, o departamento pessoal tem o objetivo de fazer a administração das relações trabalhistas. Garantindo o cumprimento das questões legais, e os aspectos operacionais voltados aos colaboradores.  

O que é a área de Recursos Humanos?

Por outro lado, o setor de Recursos Humanos, popularmente chamado de RH, foca em questões mais estratégicas. Sempre ligadas a contração, desenvolvimento e gestão de pessoas, sendo um contato mais efetivo com os colaboradores. 

As atividades do RH englobam o recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento, avaliação de desempenho, plano de desenvolvimento, cultura organizacional, entre outras atribuições.

Diferença entre Departamento Pessoal e Recursos Humanos:

O Departamento Pessoal (DP) e o Recursos Humanos (RH) são duas áreas essenciais dentro de uma empresa, e embora precisem ser interligadas, cada uma desempenha funções distintas na gestão de pessoas. 

Departamento Pessoal

O Departamento Pessoal tem um enfoque mais operacional e administrativo. Para garantir que todos os procedimentos relacionados aos colaboradores estejam em conformidade com a legislação trabalhista vigente. 

Por isso, lida com aspectos práticos e cotidianos da administração de pessoas. Assegurando que os direitos dos funcionários sejam respeitados e que a empresa esteja em conformidade com as normas legais.

Recursos Humanos

Já o Recursos Humanos tem um foco mais estratégico e prático na gestão de pessoas. Suas responsabilidades estão relacionadas ao recrutamento, desenvolvimento e engajamento dos colaboradores, bem como à promoção de uma cultura organizacional forte e alinhada com os objetivos da empresa.

Assim, esse setor lida com as expectativas do capital humano, a fim de manter a sinergia entre os interesses de candidatos e colaboradores, com os da empresa. Atuando na formulação e implementação de estratégias que visam atrair, reter e desenvolver talentos,o que contribui para a criação de um ambiente de trabalho motivador e produtivo.

Como funciona o setor de Departamento Pessoal na prática:

O DP opera diariamente para garantir o cumprimento das obrigações legais trabalhistas e o cumprimento das normas vigentes. Isso inclui:

Processamento da folha de pagamento

O processamento da folha de pagamento é uma das tarefas centrais do Departamento Pessoal. Sendo necessário calcular o salário dos funcionários, horas extras, comissões ou bônus e as deduções legais, como impostos, contribuições previdenciárias, 13º salário e eSocial. Além disso, o DP deve garantir que os pagamentos sejam feitos de acordo com os prazos estabelecidos e em conformidade com a legislação trabalhista e tributária.

Controle de ponto e horas extras

O departamento pessoal é responsável por monitorar e registrar o tempo de trabalho dos colaboradores, garantindo que estejam cumprindo suas jornadas de trabalho de acordo com as políticas da empresa em contrato e a legislação trabalhista. Isso inclui o controle de entrada e saída, registro de horas extras e compensação de horas trabalhadas além da jornada regular, sendo acordado em banco de horas ou pagamento adicional. 

Admissão e demissão de colaboradores

Embora o RH seja responsável pela escolha dos novos colaboradores e também as chamadas “entrevistas de desligamento”, o departamento pessoal  O DP atua na coordenação do processo de admissão e demissão de colaboradores. 

Isso envolve a coleta e verificação da documentação necessária para a contratação, exames necessários, assinatura dos contratos de trabalho, registros de empregados e os procedimentos legais relacionados a essas movimentações. 

admissão digital

Emissão de documentos legais

O departamento pessoal deve emitir diversos documentos legais relacionados à relação de trabalho entre a empresa e seus colaboradores. Isso inclui contratos de trabalho, recibos de pagamento (holerites), declarações de rendimentos, comprovantes de férias, entre outros. Esses documentos são essenciais tanto para garantir os direitos dos funcionários quanto para cumprir as obrigações legais e regulamentares impostas pela legislação trabalhista.

Administração de benefícios e incentivos

Além dos salários, muitas empresas oferecem benefícios e incentivos para seus colaboradores, como plano de saúde, vale-alimentação, bônus e programas de reconhecimento. 

O departamento pessoal também deve fazer a administração desses benefícios, garantindo que sejam entregues de forma eficiente e que os funcionários compreendam sua importância. Vale destacar que essas práticas contribuem positivamente o engajamento e satisfação dos colaboradores.

Comunicação eficaz sobre políticas e procedimentos

É importante que o DP esteja com as informações sobre políticas e procedimentos da empresa bem estabelecidas e alinhadas, pois esse é o setor que muitas vezes serve como ponto de contato para esclarecer dúvidas dos funcionários.  

Uma comunicação clara e eficaz sobre esses assuntos pode contribuir para o engajamento, pois os colaboradores se sentirão mais informados e valorizados pela empresa.

Atendimento às demandas individuais dos colaboradores

Embora o departamento pessoal lide com muitas questões de forma padronizada, também é importante estar pronto para atender questões individuais dos colaboradores, como alterações de dados cadastrais, solicitações de documentos e esclarecimentos sobre questões trabalhistas. 

Como funciona o setor de Recursos Humanos na prática:

O RH está constantemente envolvido em estratégias para atrair, desenvolver e reter talentos. Em atividades de processo seletivo e gestão de pessoas, como:

Recrutamento e seleção

O setor de recursos humanos desempenha um papel crucial na empresa realizando a contratação de novos colaboradores, pelo recrutamento e seleção. Sendo essencial para criação de sucesso e com o Fit Cultural da companhia. 

Isso inclui a identificação das necessidades de contratação e alinhamento com os gestores, a divulgação de vagas em canais apropriados, a triagem de currículos, a realização de entrevistas, aplicação de testes e a seleção dos candidatos mais adequados para as posições.

Treinamento e desenvolvimento

Pensar no próprio desenvolvimento deve ser uma iniciativa dos colaboradores, mas por meio de programas de treinamento e desenvolvimento o RH pode incentivar e atuar de forma estratégica visando as necessidades da empresa. 

Por isso, é importante que o setor de recursos humanos faça uma análise, planejamento e implementação de programas de capacitação, como workshops, palestras, treinamentos, e até incentivo a cursos, realizando também o acompanhamento do progresso e evolução dos colaboradores.

Avaliação de desempenho

Outra responsabilidade relacionada à gestão de colaboradores que o RH desempenha é a aplicação de avaliação de desempenho dos colaboradores. A fim de identificar pontos fortes e áreas de melhoria em seu trabalho, com o objetivo de promover o desenvolvimento contínuo. 

Para promover uma boa avaliação de desempenho é importante definir os critérios de avaliação, a realização de feedbacks periódicos, análise de resultados e a criação de planos de ação para o desenvolvimento profissional dos colaboradores. 

Gestão da marca empregadora

A gestão da marca empregadora ou trabalho de Employer Branding, também está no fluxo de atividades de recursos humanos. A fim de promover uma cultura organizacional consolidada e alinhada aos valores e objetivos da empresa. 

Para isso, é importante definir a comunicação, valores corporativos, programas de reconhecimento e recompensa, e a implementação de políticas que promovam um ambiente de trabalho inclusivo, diversificado e colaborativo. 

KIT - Employer Branding

Tecnologia para Departamento Pessoal e Recursos Humanos

A tecnologia desempenha um papel crucial na otimização das atividades do Departamento Pessoal e de Recursos Humanos, voltados para o recrutamento e gestão de pessoas.

O Pandapé, software de RH, do Infojobs, organiza e agiliza a gestão completa dos processos de recursos humanos nos módulos de ATS e HCM. Que atendem desde a atração, recrutamento, admissão digital, até a gestão de talentos.

Para recrutar, o software conta com diversas ferramentas como multipublicação de vagas, triagem automatizada de currículos, testes integrados, vídeo entrevista, e Inteligência Artificial. Já na gestão de pessoas, é possível fazer a administração de folha de pagamento e férias, centralização da comunicação, avaliações de desempenho e engajamento e integração de onboarding.

ATS Pandapé - Departamento Pessoal e Recursos Humanos