Reduza 50% do tempo de triagem de currículos com a inteligência artificial do Pandapé

Agende uma apresentação
Employer Branding

4 ações que contribuem para melhorar a marca empregadora

4 ações que contribuem para melhorar a marca empregadora

Quando pensamos no setor de recursos humanos, atividades como análise de currículos, entrevistas e reuniões de feedback estão no escopo de prioridades do setor. Entretanto, a marca empregadora também é uma responsabilidade do RH. Isso porque, essa é a área que mantém contato direto com o capital humano da empresa. E quando falamos de marca empregadora, estamos falando de pessoas.

Logo, o RH deve se atentar às práticas que contribuem para o melhor desempenho e satisfação dos colaboradores. Entre elas estão a experiência dos candidatos com os processos seletivos e o posicionamento diante do mercado de trabalho como um todo.

Ou seja, é interessante que o RH pense nas ações de marca empregadora no 360° para potencializar a imagem da empresa. Se você quer saber quais são essas ações e como elas contribuem para a empresa, continue lendo esse artigo.

O que é marca empregadora?

O conceito de marca empregadora se refere à instituição que emprega pessoas. Por isso, quando tratamos este tema, nos referimos às ações que despertam o desejo das pessoas em trabalhar na empresa. Além das práticas que visam a retenção de talentos.

Para desenvolver estratégias de marca empregadora, ou de Employer Branding, termo em inglês que se refere à ação, o RH deve envolver também:

Assim, com esses pontos consolidados, é possível gerenciar a reputação da marca e obter os benefícios como: maior interesse por parte dos candidatos, aumento da retenção, valorização perante o mercado.

Dessa forma, as ações de marca empregadora são também uma ferramenta importante para os processos de recrutamento e seleção, pois facilitam a busca pelos melhores candidatos aumentando as possibilidades dos recrutadores.  

candidato ideal

Ações que contribuem para a marca empregadora

Defina a cultura da empresa

Antes de pensar em ações voltadas para os colaboradores, ou até mesmo externas, é importante conhecer a cultura da empresa e os objetivos diante do mercado de trabalho e da sociedade.

Para definir a cultura organizacional desenhe o conjunto de valores, crenças, comportamento esperado dos funcionários, missão da empresa, objetivos e posicionamento diante de assuntos importantes. Essas definições vão nortear o RH nas demais ações, pois é isso que humaniza a marca, e por consequência a torna mais próxima das pessoas.  

Com esses elementos é possível definir outras estratégias mais palpáveis, como a comunicação interna, regras de conduta, clima e ambiente de trabalho.

Tenha presença digital

Grande parte dos profissionais estão nas redes sociais, e existem diversas possibilidades para a sua empresa encontrar a plataforma ideal que se adeque ao perfil da organização. A comunicação ocorre virtualmente e a promoção da sua marca deve acompanhar esse ritmo.

Além disso, muitas vezes a opinião de funcionários e ex-funcionários são determinantes para um candidato aceitar uma proposta de emprego. Logo, ter essas recomendações em páginas públicas e nas redes sociais ajudará a formar a reputação da sua marca empregadora.

O Infojobs Advisor é um exemplo de página pública, lá são encontradas mais de 9 milhões de avaliações espontâneas de colaboradores e ex-colaboradores de diversas empresas. Sendo um ótimo canal para os profissionais conhecerem a cultura e prática das organizações.

Dica: proponha uma atuação em parceria com o marketing para desenvolver sua presença digital de forma consistente e coerente aos valores da empresa. Além disso, deixe a Página Trabalhe Conosco sempre atualizada com fotos do dia, valores, depoimentos dos funcionários, reconhecimentos da marca e outros aspectos que valorizem a empresa.

Valorize os colaboradores

Quando falamos em estratégias de marca empregadora consolidada é importante lembrar que elas devem ser coerentes com as ações propostas pela empresa. Por isso, para uma presença digital transparente é fundamental valorizar e reconhecer os colaboradores.

Ou seja, tenha em mente que o funcionário é o bem mais valioso de uma empresa. Afinal, todas as suas ações, por menores que sejam, contribuem para o desenvolvimento do negócio. Assim, um trabalho bem feito deve ser reconhecido, seja com elogios, ações internas de reconhecimento, com propostas de desenvolvimento ou plano de carreira.

Para executar as melhores estratégias de marca empregadora voltada para a valorização dos colaboradores, o RH deve analisar o perfil dos funcionários e entender o que é preciso para mantê-los satisfeitos e motivados.

Os reflexos dessa prática estão associados à qualidade do trabalho, produtividade, engajamento, propósito de crescer junto, bem como a ação de agente promotor da marca.

Proporcione a melhor experiência aos candidatos

A experiência do candidato está entre os pilares para as ações de marca empregadora, e por isso, merece atenção do time recrutamento e seleção. Encantar os profissionais aderentes a sua empresa é uma forma de investir na atração de talentos e facilitar o processo seletivo.

Portanto, além do contato direto durante o recrutamento, é importante desenvolver ações que mostram que a sua empresa é o melhor lugar para se trabalhar, e despertem o desejo do potencial candidato. Esse contato orgânico deve ser trabalhado tanto quanto o contato direto, que envolve desde a aplicação em uma vaga até o onboarding.

Proporcionar a melhor experiência no processo seletivo é propor ações dinâmicas, apresentar a cultura da empresa, facilitar as etapas, proporcionar uma comunicação personalizada e atenciosa, e principalmente, fornecer feedbacks.

feedback no processo seletivo

É possível contar com plataformas de recrutamento e seleção, como o ATS Pandapé, para proporcionar um processo seletivo mais dinâmico e agradável para os candidatos. No software de recrutamento e seleção, todas as etapas ocorrem de forma online, seguindo o comportamento dos profissionais de usarem as ferramentas digitais, além disso, a prática reduz o custo com deslocamentos.

Para os recrutadores as vantagens também são enormes, afinal é possível otimizar o processo todo, reduzir investimentos, automatizar etapas e contar com Inteligência Artificial para selecionar o candidato mais aderente.

ATS custo benefício